5 dicas para realizar a festa de fim de ano da sua empresa

5 dicas para realizar a festa de fim de ano da sua empresa

O fim de ano está chegando e muitas famílias já estão se preparando para festejar e celebrar o ano que passou e o que está para chegar. Bom, por que com as empresas deveria ser diferente, já que passamos mais tempo com nossos colegas de trabalho do que com os próprios familiares? As festas de fim de ano organizadas pelas empresas são ótimas oportunidades para fortalecer a integração entre os colaboradores, o que é muito benéfico para toda a empresa.

Se você é o responsável pela organização da festa de confraternização de fim de ano da sua empresa e quer saber dicas valiosas para acertar em cheio nessa programação tão importante, fique conosco até o final, pois separamos 5 dicas muito importantes que certamente vão te ajudar.

Por que realizar uma festa de fim de ano?

Como já vimos, as festas de fim de ano são de suma importância para fortalecer a integração entre os colaboradores. Para que isso realmente aconteça, é necessário criar um ambiente descontraído e fraterno, o que exigirá um bom planejamento dos organizadores. Um setor que é muito importante nesse processo é o de recursos humanos. São os gestores do setor de RH que devem elaborar estratégias para convidar os colaboradores e fazer com que eles sintam vontade de participar desse momento.

Como é a sua empresa?

Para elaborar o planejamento da festa, é importante reconhecer o perfil tanto da empresa quanto dos colaboradores. Por exemplo, se a sua empresa é de pequeno porte, levar os colaboradores para um jantar ou para um happy hour é uma ótima opção. Porém, geralmente essa não a tendência dentre as empresas maiores que contam com muitos funcionários. Uma boa sugestão do que não fazer é: nunca faça eventos divididos por setores. Se a festa tem como objetivo aproximar o time de colaboradores, não faz sentido fazer divisões.

Portanto, preste atenção neste ponto e busque interagir com os colaboradores, perguntando o tipo de festa que eles gostariam de ter. Ouvir a opinião de cada um é muito importante e acaba gerando um sentimento de pertencimento e importância maiores.

Agora é hora das dicas!

Pegue seu caderno e caneta, tablet, notebook ou celular e anote as dicas que separamos para você. Confira abaixo:

1 – Escolha o local
Pense sempre no conforto e na segurança dos colaboradores e demais convidados.
Antes de fechar o local, verifique se o tamanho comportará a todos. Outro detalhe importante é em relação a facilidade de acesso, caso a empresa escolha fazer o evento fora de sua sede. Se local for longe ou fora de mão para a maioria dos colaboradores, nem todos poderão comparecer ou, no mínimo, chegarão atrasados. Se possível, visite o lugar antes para conferir a quantidade e a qualidade de mesas, cadeiras e banheiros para ter a certeza de que não haverá nenhum tipo de constrangimento ou decepção na hora da celebração.

2 – Defina as atrações
Para não correr o risco de a festa se tornar maçante e sem graça, é necessário ter boas atrações para animar e entreter os convidados. A música é sempre uma boa opção para a ocasião, seja uma banda contratada para cantar hits conhecidos ou até mesmo um karaokê para deixar o ambiente ainda mais divertido e descontraído. Uma outra boa opção são cabines de fotografia, que geram a oportunidade de registrar esse momento para ficar gravado na memória de cada convidado. Essa é uma ótima ferramenta para estreitar ainda mais os relacionamentos dentro da empresa.

3 – A bebida deve ser liberada?
Como em toda e qualquer festa, os drinques são importantes para a celebração.
Porém, é necessário tomar um certo cuidado nessa questão, já que o consumo de bebidas alcoólicos sem controle pode causar comportamentos inadequados entre os colaboradores, colocando toda a festa em perigo. Cabe ao organizador do evento ficar atento ao andamento da festa e tomar a decisão de restringir ou liberar as bebidas. Caso seja liberado, sirva as bebidas depois do jantar e não pense tanto na quantidade, mas sim, na qualidade dos drinques oferecidos. Até porque, muitos colaboradores precisam voltar dirigindo e é preciso pensar nesse ponto para tomar uma decisão sábia.

4 – Que tipo de comida servir?
Quando o assunto é comida, o segredo é oferecer uma refeição completa aos colaboradores e convidados. Além de contribuir muito para amenizar o efeito do álcool, isso mostra que a empresa não foi “econômica” nesse momento especial de celebração e agradecimento de todo esforço dos colaboradores durante o ano. E, para o cardápio, não precisa inventar muito e colocar alimentos sofisticados. O segredo é escolher pratos simples, mas de qualidade e que agrade a maioria das pessoas.

5 – Palestra humortivacional
A festa de confraternização de fim de ano também é tempo de motivar os colaboradores para repor as energias para o próximo ano. Mas, que tal fazer isso com uma pitada de humor?
As palestras “humorvaticionais” estão sendo promovidas por muitas empresas e já estão virando uma tendência. Esse recurso permite abordar termas relacionados ao trabalho e assuntos da atualidade misturados com um bom humor para deixar o clima mais leve e descontraído, como toda festa deve ser.

Curta o momento com seus colegas de trabalho

Lembre-se de que esse é um momento de celebração por ter concluído mais um ano de trabalho com o esforço de cada colaborador. Portanto, faça com que cada um se sinta importante, acolhido e demonstre gratidão pelo trabalho realizado por cada um.
Esperamos que a nossa dica seja importante para o seu planejamento. Faça tudo com calma, cuidado e carinho. Conhece outros amigos que trabalham com RH ou estão responsáveis pela organização da festa de fim de ano da empresa em que atuam? Então compartilhe essas dicas com eles também nas suas redes sociais.

social position
×

Clique na ajuda abaixo, você será direcionado(a) para nosso WhatsApp

×